Fantasias, viva o sexo com mais prazer!

São muitos os e-mails que recebo com dúvidas e principalmente desabafos. Falar sobre desejos e fantasias acalma, ajuda a entender. Afinal sou a pessoa que vai ouvir seu desabafo e que não julgará, taxando como loucura os seus sonhos mais íntimos.

E como é bom saber que é normal fantasiar na hora do sexo. Todos fantasiam! Os casais que ainda não desenvolveram o hábito salutar do diálogo podem fantasiar muito mais até, só que não compartilham. Ainda não entenderam o rico universo que espera a todos aqueles que se abrem dispostos a conhecer e viver novas emoções a cada dia. E fantasias compartilhadas se transformam em uma enorme fonte de prazer.

E essa felicidade é possível àqueles que deixam de lado o medo e começam a viver às claras seus sonhos e desejos mais íntimos. Olhe ao seu lado, seu parceiro ou parceira. Também ele ou ela tem fantasias e sonha viver os momentos de amor com muito mais prazer.

Porque não falar?

Esses casais possivelmente são remanescentes da cultura do silêncio. A era em que calar seus desejos era quase uma ordem. Esse período levou homens e mulheres ao erro e a limitação quando o assunto é a sua sagrada sexualidade.

Fruto do silêncio, a fantasia tomou vulto e se veste em cores e formas que mais lhe aprouver. Afinal, está mesmo escondidinha lá, no fundo da mente, povoando os sonhos e na maioria das vezes partilhando o momento do encontro a dois.

O silêncio nesse caso garante a permissão, protege contra explicações e o temido não, mas acaba com o passar dos anos a torna-se o grande responsável pela insatisfação.

De todas as confissões que já ouvi a mais curiosa foi de uma mulher, que me confidenciou que uma falha na pintura da parede de seu quarto, lembrava-lhe (sabe Deus porque!) um enorme pênis e era olhando para essa figura que ela chegava ao orgasmo.

Amava o marido. Jurou-me que sim e estava satisfeita com ele. E acredito. Fantasias apimentam a relação, muitas vezes apenas falar sobre coisas excitantes, aumentam o tesão, sem que haja necessidade de viver realmente a situação imaginada.

Importante é saber que fantasia existe e é ótimo tempero para o amor, melhor ainda se passar pelo diálogo, compartilhar neste caso aumenta muito o prazer. E vale a pena descobrir as fantasias de seu parceiro ou parceira e principalmente dar a real importância que elas têm.

Enfim, como falo sempre, não há crescimento em nenhum aspecto de nossa vida e o sexo não é exceção, sem que estejamos dispostos a falar e ouvir o outro.

Fantasias reveladas transformam-se em um motivo a mais para querer amar e ser feliz! Dê a elas um tom bem humorado, junte sexo e alegria e veja como a vida se torna muito mais excitante!

Dispostos a viver mais essa experiência a dois?

Abusem! Vocês têm direito!

Regina Racco

Anúncios