Perguntas e Respostas sobre Orgasmo Feminino

1. Por que algumas mulheres conseguem chegar ao orgasmo com facilidade enquanto outras nunca tiveram essa experiência?

R: Na verdade, o orgasmo tem uma ligação direta entre a sexualidade, aceitação do seu corpo, educação e consciência de seus pontos de prazer. Dependendo de como se educou essa mulher, em sua infância, teremos uma pessoa bem resolvida ou com sérios problemas principalmente nesta área. Afinal, mal saímos da “idade média” quando o assunto é sexo.

2. Existem diferentes tipos de orgasmo feminino? Quais são eles? Como a mulher sabe qual é o dela?

R: Existem tantos orgasmos femininos, quanto o número de mulheres no planeta. J Acontece que esta é uma sensação muito pessoal e cada mulher o sente de uma ou várias formas. Existe consenso: O orgasmo clitoriano, mas são como disse, inúmeros e o que é gratificante, é que quando uma mulher se abre para esse assunto e busca se conhecer mais, as possibilidades aumentam em grande proporção. Uma mulher que tenha consciência vaginal, por exemplo, tem pleno domínio de seu prazer, assim como age como colaboradora ativa, no prazer de seu parceiro.

3. Todas as mulheres podem obter os orgasmos múltiplos? Como reconhecer um? E como obtê-lo?

R: Nem todas as mulheres sentirão orgasmos múltiplos, embora, eles se tornem possíveis a muitas que treinam a ginástica íntima, por exemplo. Mas, todas, podem (e devem) trabalhar para aumentar a intensidade, porque a diferença é essa intensidade. Um super orgasmo, ou vários orgasmos seguidos, ambos podem ser igualmente maravilhosos.

4. Qual é a zona erógena mais importante do corpo de uma mulher?

R: Depois do cérebro? J O clitóris sem dúvida e mesmo um orgasmo, onde a mulher tenha a sensação de ter começado no final de seu canal vaginal, certamente teve o envolvimento do clitóris, afinal, no próprio movimento do pênis, há a fricção natural que o estimula. Mas quero deixar bem claro que para aquela mulher empenhada em seu auto conhecimento e aprimoramento de seus órgãos de prazer, a grande surpresa será descobrir outros e inusitados pontos onde o prazer jorra de forma impressionante!

5. O que faz a mulher chegar ao orgasmo? É a penetração em si ou o envolvimento com o parceiro?

R: Certamente o envolvimento com o parceiro, se colocado desta forma, mas eu digo que antes, ela terá que ter envolvimento com ela mesma, com sua mente, seu corpo, permitir-se o prazer, muitas mulheres (e os motivos são vários), não se permitem o prazer, ou não aceitam sua condição feminina, ou cultivam uma imensa vergonha que as impossibilitam vivenciar esse que é um momento natural, para todos, como comer, dormir, etc… Como disse antes, o sexo mal deixou de ser tabu. E posso falar com propriedade sobre isso, baseada em minha experiência de mais de trinta anos ministrando os cursos da ginástica íntima com as técnicas de pompoarismo. Posso garantir que quanto mais se falar a respeito, mais abriremos as portas deste paraíso, capaz de resgatar casamentos e trazer além da satisfação sexual, saúde física e emocional a todos.

6. Quais os fatores que mais comumente impedem as mulheres de atingirem o orgasmo?

R: Desconhecimento total do próprio corpo, vergonha, silêncio quanto aos seus desejos. Muitas mulheres casadas passam anos a fio, inventando desculpas para evitar o sexo, porque jamais conversaram com seus parceiros sobre o assunto. O casal quando se torna cúmplice, “destrava” portas secretas que os levarão à satisfação plena. Raramente se encontra uma mulher que não alcance o orgasmo por um problema físico. Muitas precisam de apoio psicológico para vencer os bloqueios e a grande maioria necessita apenas se conhecer mais, e entender que seu parceiro é seu melhor amigo, sem um “ajuste” entre ambos, as coisas continuarão como estão, mornas, ou com prazer apenas para um.

7. A mulher que pratica a masturbação tem mais chances de atingir o orgasmo quando está com o parceiro? De que forma o autoconhecimento pode ajudar?

R: Toda forma de autoconhecimento ajuda! A masturbação fará com que ela perceba exatamente como gosta de ser tocada e esse conhecimento deve ser partilhado com ele! Um espelho, um simples espelho, pode ajudá-la no conhecimento de sua vagina. Em sala de aula, fico espantada com a quantidade absurda de mulheres que jamais se olharam! Ela tem uma vagina e nunca viu?! Como poderá querer que essa “desconhecida” lhe dê prazer? As contrações podem ajudá-la no aumento da consci~encia de seu canal vaginal, enfim, formas de resgatar essa mulher não faltam, mas passam pelo interesse que ela possa ter ou não, de viver plenamente sua vida sexual.

8. Quais são as posições que mais facilitam o orgasmo, para a mulher?

R: Isso é bastante pessoal, cabe ao casal experimentar várias posições, o que leva alguns ao céu, pode não ter a mínima emoção para outros. Em meu último livro: Pirulito e Outras Delícas, sexo para mestres na arte da sedução, exploro bastante esse assunto, apresentando inúmeras posturas para os casais treinarem bastante J Neste assunto, quanto mais se explora novas formas de amar, melhor fica e quando ambos se empenham em melhorar juntos a relação, novos caminhos se apresentam, até mesmo criarem suas próprias posições especiais de “subida ao céu”.

9. De que forma a mulher pode ajudar o parceiro na hora do sexo, para que ele contribua para o prazer dela?

R: O ideal como disse é que esta mulher se conheça, saiba como melhor alcança o orgasmo, se toque, enfim se prepare antes e sozinha e no momento da relação, apenas relaxe e aproveite tudo. Muitas pessoas pensam que o orgasmo é tudo, quando não é bem assim, um sexo prazeroso, é apreciado do início ao fim, nem sempre você tem um orgasmo super, mas a relação toda foi tão gostosa que valeu cada minuto. A própria intensidade do orgasmo muda, nunca é igual. Digo que cada vez é única e não haverá dois dias iguais!

10. Exercícios íntimos podem ajudar? De que forma? É possível ensinar alguns exercícios simples?

R: Sim, exercícios ajudam e muito! Não somente na sexualidade, mas na saúde íntima! Nunca, nestes anos todos conheci alguma mulher que tenha se arrependido de treinar. É um verdadeiro divisor de águas, mas saiba o que está fazendo, treine seguindo um bom método. Quando desenvolvi o método pelo qual ensino, o fiz tendo como foco a mulher ocidental, somos mulheres que não desenvolvemos uma boa relação com a própria sexualidade, mal conhecemos, como disse, a vagina, não conseguimos sentir na totalidade o canal, mal sentimos o intróito vaginal, e para fortalecer a musculatura que circunda a vagina, os pubococcígeos (PC), precisamos perceber além do intróito. E é isso que meu método faz, aumenta a consciência vaginal da aluna rapidamente, fazendo com que o fortalecimento se torne muito mais rápido. Sei bem como nós mulheres somos, ou conseguimos perceber rapidamente melhoras ou paramos de treinar! Foi pensando no imediatismo feminino que criei o método, que se encontra no livro O livro de Ouro do Pompoarismo, que hoje está na décima edição. Possuímos no site um kit, contendo tudo que a aluna precisa para treinar com conforto. Os primeiros resultados, ela observa após os primeiros quinze dias, assim, feliz, ela não para de treinar até o final.
Vou sugerir três exercícios que constam no no link: http://www.pompoarte.com.br/app/sc/gui/info.aspx?cnt=612_1_666_1&html=sobre_a_tecnica_detalhe&cod=274688&tit=Exerc%c3%adcios+Gr%c3%a1tis
que podem ser copiados, assim já é possível começar agora mesmo!

11. Que outras orientações gerais podemos dar às mulheres que desejam melhorar suas vidas sexuais, obtendo mais prazer no sexo? Como a mulher deve preparar corpo e mente para não deixar o orgasmo escapar?

R: O primeiro passo é querer, entender que nosso prazer é responsabilidade nossa. Nenhum homem, por mais carinhoso que seja, é capaz de satisfazer uma mulher que mal sabe o que é ter prazer, que envergonhada se fecha em uma concha e não divide nada. Não temos manual de funcionamento e para piorar a situação dos “pobrezinhos” somos totalmente únicas! Cada uma de nós possui um universo próprio. Meu conselho é que falem com os parceiros o que gostam e fiquem atentas também ao que eles gostam. Tenham em mente que no sexo vale tudo, desde que esse “tudo” seja consensual, que agrade aos dois. Fale, leia, informem-se, busquem, treinem, assim se muda um futuro. Ninguém precisa viver “mais ou menos”, podemos viver plenamente e o sexo e uma arma poderosa para isso. Sexo é vida, saúde, energia, rejuvenesce, embeleza, emagrece, nos deixa felizes, são tantos os motivos para praticá-lo, e sempre bem, aprimorando a cada dia. Temos obrigação de buscar a felicidade e essa busca é muito mais fácil do que se imagina!

Regina Racco é professora de ginástica íntima, autora dos livros: O livro de Ouro do Pompoarismo, A Conquista do Prazer masculino e Pirulito e Outras Delícias, sexo para mestres na arte da sedução
HTTP://www.pompoarte.com.br
Tel:21-24472421

Anúncios