10 Dicas para melhorar o sexo dos “velhinhos” que todo jovem deve usar
Aproveitando a proximidade do meu aniversário (6.5) aproveito para escrever para os meninos da minha idade… E sinceramente, acho que essa matéria e suas dicas deveriam ser lidas por jovens de todas as idades, porque quando a “terceira idade” chega sem o devido preparo que se consegue ano após ano, é um choque e é esse choque que leva algumas pessoas a desistir do sexo. Péssima decisão, porque é exatamente o sexo o grande elixir da vida e ao parar de usá-lo, a tendência natural (como uma flor que não se rega) é murchar e morrer, e volto a insistir, porque já falei sobre isso em matéria recente: Estar sozinha ou sozinho não é sinônimo de deixar de praticar o sexo!
Em alguns casos, o casal mais velho conquista até mesmo um patamar nunca imaginado na vida sexual. Prazer em doses superiores a quando eram jovens e isso acontece porque agora eles têm tempo para se dedicar mais um ao outro e essa proximidade maior pode ser muito excitante, claro, quando ambos resolvem que não vale à pena morrer antecipadamente e buscam se dedicar amorosamente um ao outro.
Acho que nem preciso dizer aqui, porque esse assunto já é bastante conhecido, que a tal frigidez pós menopausa não passa de conversa fiada, desde que a mulher esteja interessada em manter acesa a chama, é claro. A prática da ginástica íntima (ooopsss, sou professora…) consegue minimizar os incômodos do ressecamento e manter em alta a libido, aliás, é bom que se diga homem também pode treinar e manter bem longe o fantasma da impotência, porque a vida é bela e não são alguns aninhos a mais que atrapalharão a festa.
Depressão, inconformismo frente a alguma doença própria da idade, tudo isso tende a atrapalhar a vida sexual quando se permite, mas basta querer e logo, o fogo da juventude volta a ser aceso e se você que está lendo, duvida, é fácil: Experimente e se não acontecer deste jeito, tem o direito de me escrever me desmentindo, afinal, eu também estou “do lado de cá” e sei do que estou falando.
E porque digo que alguns casais conseguem viver uma vida sexual muito mais plena do que quando mais jovens? Essa é fácil: Os casais mais velhos já venceram etapas de desconhecimento dos próprios corpos, do corpo do outro, vergonhas, inibições, possuem como disse antes, mais tempo livre, etc e mais: Estão dispostos a tentar o novo, não tem tanto medo e desconfiança, nem que seja baseado no “pior do que está não fica”.
E preparar-se para viver plenamente esse apogeu é algo que se faz ao longo da vida e pode-se começar a qualquer momento. Porque não agora?
Regina Racco
Autora de vários livros, dentre eles, O livro de Ouro do Pompoarismo, A Conquista do prazer Masculino e Pirulito e Outras Delícias, sexo para mestres na arte da sedução.
Turbinando a vida sexual
  1. Consultas médicas em dia
    Não é somente pelo sexo que todos, jovens e menos jovens devem manter as consultas e exames em dia, o médico é nosso maior amigo e um problema detectado no início não se transformará em algum monstro depois. Os menos jovens podem se beneficiar com os repositores hormonais desde que tenham indicação para tal.
  1. Para a mulher: Estrogênio não oral
    Alguns especialistas afirmam que o estrogênio aplicado localmente pode acalmar o tecido vaginal, permitindo que aumente as secreções necessárias para o sexo, tornando a penetração muito mais confortável, o que melhorará o desejo.  Isso pode ser uma opção mais segura do que outras formas de terapia com hormônios, mas você realmente precisa conversar sobre isso com o seu médico.
  1. Para o homem: Viagras e outros…
    Se for preciso converse com seu médico sobre o uso de remédios que possam facilitar e manter a ereção por mais tempo, desde que seja com acompanhamento médico, não há problemas em fazer uso e para muitos homens que já haviam abandonado o sexo, eles são verdadeiros tesouros.
  1. Os exercícios que ajudam
    No meu site há exercícios gratuitos no link matérias, vejam lá. Posso garantir que são eficazes, tanto para homens quanto para mulheres, jovens e menos jovens, eles ajudam no ressecamento, no aumento da irrigação sanguinea e da  libido e é claro, no fortalecimento muscular.
  1. Ainda a saúde
    Perde-se a libido por tantos motivos que fica impossível fazer uma lista, a diminuição do ferro no organismo, pode provocar a perda do desejo sexual, por exemplo. Um simples exame de sangue e o repositor ajudarão neste caso.
  1. Também a Tireóide
    Saber se está tudo bem com a tireóide, pode ajudar a manter a chama acesa, é que problemas  como o aumento da prolactina, a diminuição da testosterona ou a queda do estrogênio podem causar a perda do desejo sexual e assim, atrapalhar o plano de viver plenamente. Claro que tratado o problema, tudo ficará bem.
  1. Depressão? Corra deste fantasma
    Ele é feio, tira a alegria de viver (e fazer sexo, principalmente), se não conseguir sozinha (o), procure ajuda, mas não se permita se acostumar com esse monstrengo que rouba vitalidade.
  1. Malhe
     E não estou me referindo a malhação íntima somente não. Malhe o corpo todo. Caminhe, corra, dance, mexa-se! Os exercícios físicos mantêm em alta a libido além de nos manter de bem com a vida, nos sentimos vibrantes, com melhor fluxo sanguíneo para os órgãos genitais e controle de peso saudável. Quanto mais em forma mais alta a libido!
  1. Dê uma chance a novos auxiliares
    Conhecer novos produtos, creminhos, gelzinhos saborosos, brincar com os sentidos através de massageadores, chocolates e frutas, gelo, óleos que esquentam tudo isso dará um ótimo sacolejo na monotonia. Sexo corriqueiro tende a ficar sem graça, dê cor e sabor a pratica sexual e se surpreenderá com os resultados, não importando a idade que tenha.
  1. Preliminares demoradas
    Ah, vá… Agora vocês têm tempo e se não tiverem (no caso dos mais jovens) tratem de arranjar, porque nem que seja em alguns dias apenas por mês, uma bela sessão de sexo quente, fará com que a fogueira se mantenha acesa por muitos e muitos dias. Sabe os “aditivos” que falei na dica anterior? Servirão muito bem para incrementar preliminares para lá de gostosas! Brinquem muito com o corpo um do outro e logo estarão descobrindo fontes de prazeres antes não exploradas.

Anúncios