Orgasmos Simultâneos

Claro que todo mundo quer! Mas será que pode? Pode sim!!!!

Mas antes entenda que não existe essa história de “outra parte da laranja”, pelo menos no campo sexual. Por mais perfeito que seja o “encaixe”, sem a devida atenção e um período de “treinamento”, dificilmente o prazer será em igual proporção aos dois, sempre um ou outro ficará aquém do melhor desempenho e isso é normal, somos diferentes e trazemos bagagens diferentes, cada um de nós carrega heranças da infância, educação conceitos e preconceitos que irão intervir no bom andamento da vida sexual, por este motivo é tão importante darmos atenção a ela!

Se somos seres diferentes, reagiremos de forma individual aos estímulos, haverá desta forma desencontros e se desejamos a plenitude sexual e o encaixe perfeito, isso acontecerá quando mudarmos nosso comportamento, assim desenvolveremos uma melhor parceria. Trata-se de sentir o mesmo estímulo, caminhar na mesma direção e chegar junto!

São poucos os casais que relatam chegarem juntos ao orgasmo. Claro que uma vez ou outra acontece, mas é possível repetir sempre, basta um pouquinho de treino e nem é tão cansativo assim… As posturas que ensinarei nas dicas são exatamente para isso, sincronia… Vocês chegando juntos ao orgasmo, sempre (se quiserem visualizar as imagens, basta acessar meu site na parte “mais sobre a técnica”, as imagens estão lá).

Bem, claro que haverá aquele dia em que principalmente a mulher, poderá não estar tão disposta assim, aceitou o ato sexual, aproveitou os momentos, mas não sente vontade de chegar ao orgasmo, isso também e normal e muitas vezes é visto como algo terrível. Falo sempre que o prazer sexual não é apenas orgasmo, todo o envolvimento, o caminho até o ápice é muito gostoso e quantas pessoas sequer sabem apreciar, tão ansiosas ficam com a necessidade de chegar ao orgasmo…

Mas a sincronia garantirá o “gran finale” sempre que desejarem, acreditem.

E como conseguir essa sincronia? Treinando… Estou colocando cinco dicas de posições bem fáceis, basta repeti-las para que o corpo se habitue a agir em uníssono e após um tempo, será bem fácil aos dois trilhar o mesmo caminho e chegar junto. Na matéria Dúvidas sobre Posturas Sexuais vocês viram as posturas mestras, convencionais, invertidas, que auxiliam a mulher ou ao homem em relação a obtenção do prazer, agora vamos conhecer um pouco sobre algumas especialmente indicadas para o aprendizado do orgasmo simultâneo.

Sexo é bom e pratica-lo sempre já por si só equivale a um ótimo aprendizado, e se essa prática seguir um certo “método”, melhor ainda, porque estaremos agregando maior atenção a nós mesmos, aos nossos parceiros e aprendendo que dois podem ser de fato um, quando o assunto é prazer sexual.

Regina Racco

 Quer conhecer os treinamentos de força e resistência que aumentam o prazer e garantem saúde íntima? Vá lá!

http://www.pompoarte.com.br

Vamos às DICAS!

1) Primeira Postura

Como já falei qualquer postura elaborada parte sempre das mais simples, como falo no livro Pirulito e Outras Delícias, assim é possível conseguir variações fantásticas e como disse no texto, em meu site na parte “mais sobre a técnica” estou disponibilizando as imagens para essas posturas.

Mulher: Colocando-se por cima, após a penetração, deite-se lentamente até conseguir que seu corpo esteja o mais próximo possível do corpo dele, a intenção é que mantenha a excitação prestando atenção as pulsações que devem ocorrer simultaneamente.

Homem: Sua responsabilidade nesta postura e manter um ritmo lento mas constante, visando o mesmo que ela, manter a excitação

Comecem assim a perceber que esta excitação irá crescer aos poucos… Mantenham o máximo de tempo que der, sem chegar ao final e ao chegar, não se cobrem se um conseguir antes do outro, a repetição desta postura os levará com o tempo a conseguir juntos.

2) Segunda Postura

A postura em que o homem se posiciona por trás, facilita uma penetração profunda. E nesta penetração que se torna possível sincronizar as sensações e acompanhar a sua evolução até o final. Prestar atenção em seu próprio corpo, na maneira como reage e ao corpo do outro. É importante que um e outro esteja preparado para diminuir ou mesmo cessar os movimentos para que consigam chegar junto. Combinem sinais (como apertar a mão) para sinalizar que estão prontos para somente nesta hora intensificarem os movimentos à caminho do orgasmo e não desanimem se não conseguirem imediatamente, como disse, trata-se de treinamento e por acaso alguém ficará cansado de treinar? J

3) Terceira Postura

Com a mulher deitada, cabe ao homem ajoelhado entre suas pernas, posiciona-la de forma que descanse as pernas sobre suas coxas, recline-se efetuando a penetração mas ao fazê-lo, volte a subir seu corpo (se for necessário, a mulher poderá se colocar sobre almofadas para que sua pelve fique mais alta), nesta postura é fácil administrar a excitação com os movimentos dele e as contrações dela.  A comunicação visual também é bem mais fácil, sendo possível assim informar um ao outro em que ponto estão, a intenção é dosar diminuindo ou aumentando os movimentos para que cheguem junto.

4) Quarta Postura

Vamos complicar um pouquinho. Essa postura a primeira vista parece realmente difícil, mas não é e ela é necessária principalmente para aquelas mulheres que tem maior dificuldade em alcançar o orgasmo e para essas, parece absurdo se falar em conseguir o sincronizado, mas na verdade pode ser um ótimo caminho também para elas.

Homem: Deite-se, enquanto a mulher, virada de costas para ele, permite a penetração. Após isso acontecer ela deve reclinar-se até onde for possível. Ele manterá com movimentos suaves a penetração enquanto se sente livre para estimulá-la com a mão. A intenção é que ele “comande o jogo” encaminhando-a ao orgasmo enquanto se esforça para segurar e na hora certa acelerar para chegarem junto.

5) Quinta Postura

A mulher se posiciona deitada, o homem de joelhos. Ele deve levantar e manter a pelve dela de forma que possa fazer a penetração, ela ajudará colocando seus pés nos ombros dele. O jogo é simples: Ele manterá o nível da excitação com movimentos enquanto ela mantém com pulsações no canal. A intenção é que ambos se familiarizem com as reações um do outro, fazendo com que pouco a pouco, essas reações passem a ser únicas, a caminho do orgasmo simultâneo. Repetição é a chave para o sucesso!

Anúncios