Vida amorosa com prazer? Aprenda os caminhos…

Assim como não dá para pegar um carro e sair dirigindo, sem aprendermos antes e conseguir a carta que nos habilita, não dá também para usufruir o imenso manancial de prazer que possuímos, se antes não nos conhecermos bem, assim como não dá para acessar o manancial de gostosuras que seu parceiro ou parceira possui sem que antes, você tenha se disposto a explorar e conhecer a região mágica que está a sua frente. Claro que tem aqueles que conseguem passar o que gostam mas outros não falam, por timidez, e até mesmo desconhecem seus pontos de prazer, talvez seja a hora de conhecerem, juntos…

Muitos problemas que enfrentamos nos relacionamentos, poderiam ser evitados se prestássemos atenção a nós mesmos e também ao outro.

Melhor entender que a união prazerosa de dois corpos requer que antes de explorar o potencial do outro, nos dediquemos a entender e acessar nosso próprio manancial de prazer.

Tente tocar-se mais, conhecer bem seus mecanismos de prazer e assim ser capaz de passar para o outro a forma com que gosta de ser tocado ou tocada, isso é de grande ajuda, já que não temos um manual de funcionamento à nossa disposição e para complicar um pouco mais, cada ser humano é único. Assim, o que mata de prazer algumas pessoas podem irritar seriamente outras…

Conhece seus pontos altos? Hora de trazer o outro para a brincadeira.

Chame seu parceiro ou parceira para o jogo, promova noites onde a massagem mútua ou mesmo a masturbação possam ser praticadas, essas são ótimas formas de descobrir e explorar sensações que estão lá, mas que sem uma boa atenção, podem passar despercebidas até em você mesmo (a).

Nas dicas, algumas brincadeiras que podem ajudar a aumentar o fogo e garantir prazer extremo a ambos!

Regina Racco

 

Dicas da matéria:

  1. Tocando-se
    Duvido que você já não o faça, mas minha dica é que ao tocar-se agora, preste bastante atenção onde, como e com que intensidade sente mais prazer.

 

  1. Estimule o outro a fazê-lo
    Estimule seu parceiro para que se toque também, principalmente se ele ou ela é mais tímido (a).

 

  1. Juntos
    Agora que o assunto vaio à baila, chame-o (a) para juntos explorarem o próprio corpo enquanto se olham e o corpo um do outro (masturbação e massagem).

 

  1. Falem muito!
    Abram a caixinha dos desejos ocultos e deixem sair todos os monstrinhos… Se bem domados, eles serão bonzinhos e prazerosos. Vençam a timidez e se joguem!
Anúncios